sexta-feira, 7 de maio de 2010

Roma e a sua água + Berlusconi atormentando os italianos


Roma é a cidade das fontes e bebedouros. Ninguém passa sede e água, à disposição, é comum para o romano.A cada quarteirão tem um bebedouro público, com água geladinha vinda de um aqueduto subterrâneo.



Mas Berlusconi está tirando o sossego dos italianos com a decisão de que pretende privatizar a água.
"L`Acqua non si vende", dizem eles. www.acquabenecomune.org é parte da campanha referendaria contra esta decisão.

Isso me faz lembrar os longos e dolorosos processos de privatização no Brasil. Mas a água é a uma questão de soberania. Uma guerra pode ser ganha facilmente se a população de uma cidade inteira ficar sem água, especialmente quando a decisão é de uma empresa e não de um governo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário