terça-feira, 20 de outubro de 2009

Obrigada Sílvia!


Junto à bagagem para Roma tinha como certo apenas a passagem áerea marcando o retorno ao Brasil para dezembro, uma pré-inscrição na Universidade "La Sapienza", esperança no coração e a certeza de que a viagem valeria a pena. No segundo dia após a chegada, bastante angustiada por estar sem um lugar fixo para morar - apenas hospedada num tipo de hostel e preocupada com a grana - me deparei com uma situação que me ocorre em momentos de desafios na vida, quando me concentro com fé naquilo que desejo: encontrar a pessoa certa no lugar certo para alcançar a minha meta.Silvia, brasileira, bióloga (faz aperfeiçoamento do curso na Itália), que é garçonete num restaurante perto do Bad&Breakfast que me hospedei, conhece Nicoletta, italiana, artista plástica que tinha dois quartos para alugar - (um para mim e outro para Ana). Nós conhecemos Silvia que nos levou a Nicoletta. Assim, as peças se encaixaram como num quebra-cabeça e tive a certeza que nós, brasileiros e brasileiras, somos todos irmãos. São as coincidências divinas que ocorrem quando deixamos o universo conspirar ao nosso favor. Obrigada Sílvia!

Nenhum comentário:

Postar um comentário